9:00 AM - 5:00 PM

Segunda à Sexta

954.667.3660

Ligue para agendar uma consulta

Facebook

Instagram

 

PERM

PERM

Em muitas situações, os empregadores podem se inscrever e obter residência permanente para seus funcionários. Muitas vezes, seus funcionários estão em categorias de visto de não imigrante, como H-1B ou L-1, entre outras. O processo de certificação de trabalho – PERM, permite que um empregador transforme esses funcionários não imigrantes em funcionários permanentes. Às vezes, o funcionário é elegível para um visto de imigrante EB-2.

 

Existem duas agências diferentes do governo dos Estados Unidos responsáveis ​​pela maioria dos pedidos de green card baseados em trabalho para profissionais estrangeiros: o Departamento do Trabalho (DOL) e os Serviços de Cidadania e Imigração dos Estados Unidos (USCIS). O DOL deve certificar ao USCIS que não há trabalhadores americanos suficientes capazes, dispostos, qualificados e disponíveis para aceitar a oportunidade de trabalho na área de emprego pretendida e que o emprego do trabalhador estrangeiro não afetará adversamente os salários e as condições de trabalho de forma semelhante ao trabalhadores americanos já empregados.

 

O processo atual para certificação de trabalho permanente varia dependendo do programa que está sendo usado. Antes que um empregador possa solicitar um green card do USCIS em nome de um estrangeiro, ele deve ter obtido uma Certificação de Trabalho pelo DOL aprovada.

 

Esses tipos de casos são geralmente árduos e complexos, e é altamente recomendável que aqueles que estão considerando essa opção falem com um advogado de imigração experiente sobre sua situação antes de iniciar o processo.

 

COMO SE INICIA A CERTIFICAÇÃO PERM?

 

Muitas vezes, os funcionários desejam iniciar o processo de certificação PERM porque estão ansiosos para obter seus green cards. No entanto, é importante observar que o processo de certificação PERM deve ser iniciado pelo empregador, não pelo empregado e, em última instância, será o empregador que fará a petição pelo empregado. Este processo não pode ser iniciado sem o consentimento e a cooperação ativa do empregador.

 

Embora o funcionário receba um benefício substancial do processo de certificação PERM, é o empregador o beneficiário da aplicação e cliente do advogado de imigração trabalhista.

 

A primeira etapa para iniciar o processo é consultar um advogado de imigração experiente. Durante essa consulta, são discutidos os objetivos do funcionário e do empregador. Depois que um acordo for alcançado, o escritório de advocacia de imigração iniciará o complexo processo de certificação PERM.

 

Isso requer o registro de solicitações salariais vigentes junto ao Departamento de Trabalho, cooperando com o departamento de recursos humanos do empregador no processo de recrutamento e, em última instância, aplicar todos os documentos e petições necessários para uma certificação PERM bem-sucedida.

 

Por que é importante contratar um advogado de imigração?

 

A certificação PERM é extremamente complexa, com muitas etapas que devem ser seguidas correta e oportunamente para se obter uma resolução bem-sucedida. Um advogado de imigração experiente pode ajudar em todas as etapas, desde a obtenção da determinação do salário vigente do Departamento do Trabalho até a orientação com recrutamento e propaganda. Se o empregador receber uma solicitação de auditoria do Departamento de Trabalho, o advogado pode preparar e enviar uma resposta apropriada e oportuna à solicitação, com qualquer documentação necessária.

 

Nossos advogados de imigração trabalhista, tem experiência em fornecer consultoria especializada para situações complexas, incluindo a verificação das qualificações de empregadores e candidatos dos Estados Unidos, podendo orientar o empregador de forma integrada, durante o processo PERM.

 

Se você quer mesmo descobrir como conseguir sua residência permanente. . . ligue agora.

Vamos agendar sua Estratégia Legal e Sessão de Planejamento hoje.

Previous Project
Next Project