9:00 AM - 5:00 PM

Segunda à Sexta

954.667.3660

Ligue para agendar uma consulta

Facebook

Instagram

 

Divórcio

Moraes Pellicer Law > Divórcio

Divórcio

Entendemos que o processo de divórcio pode ser complicado e estressante e pode colocar uma tremenda pressão sobre uma família inteira – emocionalmente, fisicamente e financeiramente. É uma época turbulenta para casais e famílias, e o processo em si costuma ser confuso e cansativo.

 

No entanto, com o envolvimento de nossos experientes advogados do Escritório de Advocacia Jamile Moraes Pellicer, P.A., você pode ficar tranquilo sabendo que os aspectos jurídicos serão tratados de forma adequada, para que você possa se concentrar em questões pessoais. Estamos aqui para tirar esse peso de seus ombros, com honestidade e compreensão. Nossa equipe experiente trabalha com rapidez e proporcionamos um tempo de resposta rápido em todos os aspectos do seu caso, desde a retenção ao arquivamento e à audiência final.

 

Pode haver vários fatores que afetam a quantidade de tempo antes de um divórcio ser finalizado.

 

Podemos ajudá-lo com respostas a perguntas como:

 

  • Quanto tempo levará o processo de divórcio?
  • Meu cônjuge é abusivo, como posso proteger a mim e aos meus filhos?
  • E se eu não conseguir localizar meu cônjuge?
  • Devo comparecer perante um juiz?
  • O meu divórcio pode ser resolvido fora do tribunal?
  • Vou ficar com a custódia dos meus filhos? Será compartilhado igualmente?
  • Como posso ter certeza de que nossa propriedade está dividida de forma justa?
  • Estamos separados há anos. O que acontecerá se quisermos nos divorciar agora?
  • Vou pagar ou receber pensão alimentícia?
  • Meus filhos receberão pensão alimentícia?

 

Divórcios Amigáveis

 

Em um divórcio amigável, você e seu cônjuge chegam a um acordo comum sobre todas as questões do divórcio incluindo até:

 

  • Como você vai compartilhar ou dividir a custódia, o tempo dos pais e as responsabilidades dos pais;
  • O valor e a duração de qualquer pensão alimentícia aos filhos;
  • O valor e a duração de qualquer pensão alimentícia ao cônjuge;
  • A divisão de todas as propriedades, e;
  • A divisão de todas as dívidas.

 

Depois de chegar a esses acordos, não há necessidade de ir ao tribunal e argumentar diante de um juiz. Em vez disso, você registra certos formulários no determinado tribunal, algo chamado como “acordo de divórcio” que detalha os acordos que você fez, sobre como deseja dividir sua propriedade e dívidas, quais serão as providências para a custódia de seus filhos e pagamentos de pensão, se houver.

 

Seu acordo e seu divórcio final terão que ser aprovados por um juiz, o que não deve ser um problema. O juiz geralmente aprovará o acordo da dissolução, a menos que esteja claro que os termos são completamente injustos para uma das partes ou foram combinados quando uma pessoa estava sob coação. Assim que o prazo exigido (definido pela lei estadual) tiver terminado, o divórcio será definitivo.

 

Nem todo divórcio amigável é igual, e nem todo divórcio amigável tem um decorrer tranquilo. O processo é mais simples quando o casal não tenha filhos menores de idade e tenha poucos bens, não ter imóveis – como casas ou apartamentos para alugar. Também funciona melhor se cada cônjuge for autossuficiente ou facilmente capaz de se tornar autossuficiente.

 

Casais com filhos menores ou bens substanciais podem ter um divórcio amigável?

 

Casais com filhos menores ou bens substanciais geralmente podem prosseguir com um divórcio amigável se forem capazes de concordar em todas as questões principais listadas acima. Um casal que tem pequenos desacordos em uma ou duas áreas ainda pode evitar a contestação do divórcio no tribunal, mas eles precisarão negociar um com o outro até que cheguem a um completo acordo. Se eles são capazes de se comunicar bem, eles podem negociar diretamente. Se isso não for viável, os casais podem procurar a ajuda de um mediador para ajudá-los a resolver quaisquer desavenças. Eles também podem negociar por meio de advogados, embora essa opção muitas vezes tenha um custo maior.

 

O QUE É UM DIVÓRCIO SIMPLIFICADO? 

 

Na Flórida, o divórcio é legalmente conhecido como “Dissolução do Casamento”. Um “Procedimento de Dissolução Simplificado” é um procedimento que os casais podem usar para se divorciar na Flórida se não tiverem outras questões para o tribunal decidir. O que significa que, a não ser o divórcio, não há filhos nem bens a serem divididos.

 

POSSO OBTER UM DIVÓRCIO SIMPLIFICADO?

 

Você pode obter uma dissolução simplificada do casamento se você e / ou seu cônjuge morar na Flórida por pelo menos 6 meses e se todas as seguintes declarações se aplicarem a você:

 

  • Você e seu cônjuge concordam que o casamento está “irremediavelmente desfeito” e não pode ser salvo;
  • Você e seu cônjuge não têm filhos menores ou dependentes juntos (quer tenham nascido antes de seu casamento, durante seu casamento ou depois de você se separar legalmente) ou não estar grávida;
  • Você e seu cônjuge decidiram como vocês dois vão dividir as coisas que ambos possuem (seus bens conjugais) e quem vai pagar a parte do dinheiro que vocês dois devem (suas obrigações conjugais);
  • Você aceita que perderá sua propriedade se seu cônjuge não cumprir o acordo da divisão;
  • Você não quer apoio (pensão alimentícia) de seu cônjuge e seu cônjuge tão pouco quer seu apoio;
  • Nem você nem seu cônjuge desejam ter quaisquer informações financeiras além das que constam dos depoimentos financeiros;
  • Você está disposto a abrir mão de seus direitos de julgamento e apelação;
  • Você e seu cônjuge estão dispostos a ir ao cartório para assinar a petição (não necessariamente juntos);
  • Você e seu cônjuge estão dispostos a ir à audiência final (ao mesmo tempo).

 

Diferença entre divórcio amigável e divórcio simplificado?

 

Semelhante a um divórcio amigável, um divórcio simplificado pode ser apresentado se as partes estiverem de acordo quanto aos termos da divisão de bens. No entanto, ao contrário de um divórcio amigável, para se qualificar para um divórcio simplificado, as partes não devem ter filhos menores, não estar grávida e nenhuma das partes pode buscar pensão alimentícia ou apoio financeiro da outra. Tal como acontece com os divórcios amigáveis, se as partes se qualificarem para um divórcio simplificado de acordo com os requisitos acima mencionados, esta é outra forma de baixo custo.

 

Confie seu divórcio ao Escritório de Advocacia de Jamile Moraes Pellicer, P.A. Nossa equipe está empenhada em ajudar as pessoas a chegarem a soluções que, de outra forma, não alcançariam sem uma boa representação legal.

 

O divórcio, seja litigioso, amigável ou simplificado, pode ser emocionalmente traumático para todas as partes envolvidas.

Se seu casamento desmoronou e você está pronto para seguir em frente, ligue-nos agora para agendar sua Sessão de Estratégia e Planejamento hoje.

Previous Project
Next Project